Por que eu não fico quieta?

Sabe aquela necessidade enorme de falar? Pois é, já vi muita cara feia por causa dessa minha mania. Ultimamente, tenho sido acusada de racista ou preconceituosa. Tudo porque eu acho que a cobertura das eleições dos EUA é racista.

Explico: aqui no Brasil, 90% das matérias que li, ouvi e vi sobre a vitória de Obama o colocavam na situação de o negro que vai salvar o mundo. Sim, assim. Eu prefiro ele e acho que a vitória foi bacana. Afinal, depois de anos, é bom que o governo saia da mão de um republicano que só fez merda, certo? Além disso, um negro ser eleito no País onde foi criada a Kux Kux Klan e outros movimentos odiosos, é realmente um feito. Porém, nossos coleguinhas preferem colocá-lo como esperança do mundo pela sua cor de pele. Gente, não é pela cor de pele que ele será melhor ou pior! Ele vai ser bom por causa de suas idéias! Não me importa se ele é negro, branco, amarelo, rosa, verde ou qualquer outra cor.

Foram bem poucos os veículos que falaram sobre seus planos para o governo. Por isso me revolto.

O que me deixa mais revoltada são os comentários de Lula, mas isso, fica para uma próxima…

Anúncios

Um comentário sobre “Por que eu não fico quieta?

  1. Fora o comentário do Silvio Berlusconi, que falou que o Obama é bom pq é “jovem, bonito e bronzeado”…
    Mas se ele não entrar para a história como JFK, ele tem idéias para fazer um baita governo nos EUA… Torçamos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s