A melhor sobremesa do mundo

Tenho muito orgulho de algumas receitas feitas por mim. E olha que sou muita exigente e costumo sempre achar defeitos nos pratos que eu faço. Porém, alguns deles ocupam meu coração logo de cara, a ponto de eu não arrancar nenhum “mas…” da minha boca.

Essa sobremesa é um desses casos. Fiz no Natal passando e estou enrolando para postar desde então. Ela é composta por três camadas: uma de brownie, uma de frutas vermelhas e outra de um creme branco. As três camadas dão um visual super bonito ao prato. Por isso, opte por colocá-lo em uma travessa de vidro transparente.

Aos ingredientes. Primeiro, o brownie

  • 4 0v0s
  • 2 xícaras de farinha de trigo peneirada
  • 2 1/3 xícaras de açúcas
  • 1 colher (café) de essência de baunilha
  • 2 e 1/2 xícaras de chocolate em pó
  • 1 xícara de óleo
  • 1/2 de nozes picadas
  • 1 dose de rum

Bata os ovos, o óleo, o açúcas e a baunilha. Peneire a farinha de trigo e o chocolate em pó e bata mais uma vez a massa. Junte as nozes e uma dose de rum à massa. Leve ao forno numa assadeira untada. Para ver se está no ponto, faça o teste do palito. Ele deve sair limpo da massa.  Separe cerca de 3/4 da massa e leve o restante para mais uns 5 minutos ao forno para a massa secar.

Para a cobertura de cream cheese você vai precisar de:

  • 4 potes de cream cheese de 150g cada
  • 1/2 xícara de mel de laranjeira
  • 1/2 xícara de açúcar

Coloque todos esses ingredientes num batadeira todos os ingredientes e, em velocidade máxima, vá batendo até que vire um creme bem homogêneo.

Pegue o brownie e compacte ele no fundo de uma travessa, amassando com uma espátula ou colher. Em cima, você pode colocar as frutas vermelhas que mais lhe agradam. Eu coloquei cerca de 150g de morangos picados, 150g de blueberry e a mesma quantidade de amora e framboesa. Em cima de tudo, coloque o creme branco. Para finalizar, pegue a parte do brownie que você voltou para o forno e esfarele para enfeitar o topo da sobremesa.

O visual é lindo e o gosto, sem modéstia ou exagero, é divino!

 

Anúncios

Peixada mineira

Já falei aqui sobre o meu amor por Minas Gerais e as pessoas dessa terra tão querida. Quem me conhece há mais tempo, também sabe que eu estava de férias no Chile quando aconteceu o terremoto de 2009. O evento me deu histórias para contar e um casal de amigos mineiros muito querido que, infelizmente, mora longe: o Carlos e a Katucha.

Mais do que bons de papo, os amigos mineiros também são bons de prato e as conversas sempre acontecem em uma mesa! Além de dicas de turismo, de onde comer, em quem votar e outras, os mineiros também são bom de receitas.

A de hoje é uma indicação do Carlos,  e eu adorei a colaboração para o blog, mas tive que fazer algumas adaptações porque não encontrei o peixe que ele indicou. Anote aí o que é necessário para uma peixada mineira.

  • 2,5 Kg de peixe (a indicação era Dourado, mas como não achei, troquei por Badejo
  • 500g de camarão limpo
  • 3 pimentões (um verde, um vermelho e um amarelo)
  • 3 limões (eu usei siciliano)
  • 2 cebolas
  • 3 tomates sem pele e semente
  • 500 ml de molho de tomate
  • 200 ml de leite de coco
  • Sal e pimenta do reino a gosto
  • Azeite
  • Coentro
  • Alho

Eu tive que fazer algumas mudanças na preparação porque o Badejo tem a carne bem mais macia e não podia ter o mesmo tempo de cozimento do dourado, para não ficar desmanchando. Bom, primeiro você tempera as postas de peixe (deixei umas fatias bem grossas) com o limão, sal e a pimenta. Enquanto elas pegam o sabor do tempero, fatie os pimentões, os tomates e pique as cebolas.

Em paralelo, ferva a água com sal e escalde o camarão (ele vai mudar de cor e ficar rosinha). Deixe ferver 2 minutos, retire e mergulhe os camarões em água fria (com algumas pedras de gelo) para ele ficar macio.

Depois que tudo estiver cortado, pega uma panela do tipo wok e cubra o fundo com azeite. Corte dois dentes de algo em fatias finas e distribua no fundo da panela. Coloque as postas de peixe em cima. Distribua os pimentões, as cebolas picadas e os tomates. Coloque metade do molho de tomate, o leite de coco e o restante do molho de tomate. Coloque os camarões em cima e o coentro bem picadinho. Deixei cozinhando em fogo baixo por cerca de 40 minutos, uma hora.

Para acompanhar, arroz e farofa (Carlos, o pirão vai ficar para uma próxima porque eu comprei o peixe todo limpo já).

A Páscoa está chegando e essa é uma boa pedida para a semana!