Lanche coletivo – bolo sem leite de origem animal

Quando a gente tem filho, acaba entrando em contato com todo um mundo novo. Quem gosta de cozinhar, normalmente curte fazer pratos elaborados, cheio de trelelê. E quando seu filho começa a comer, por mais que role todo um amor envolvido no processo de cozer aquilo que vai alimentar aquele ser pequenino, é sem graça. A criança faz uma cara horrenda na primeira papinha salgada e é uma comida sem muita criatividade.

Acho o máximo que a Clarice já come comida de gente grande (claro que eu evito coisas, como frutos do mar) e gosto de envolvê-la, sempre que possível, na cozinha, mesmo que seja só para observar. Li que isso é importante para a criança comer bem. Quem a conhece sabe que comida não é um problema para ela.

A escola dela tem uma atividade que contribui muito para esse processo: toda sexta-feira, uma das crianças fica responsável por levar o lanche para a sala inteira. A ideia é que as crianças pensem em seus amigos e participem de todo o processo, se preocupando com gostos e particularidades de cada um.

Na sala dela, uma das amiguinhas tem problemas com leite de origem animal. Então, quando fui pensar no cardápio do primeiro lanche coletivo da Clarice, além de escolher algo que fosse saudável (afinal, Clarice não precisa comer tanta besteira como mãe), agradasse às crianças e também não levasse leite. Lendo, você pode achar que isso é um saco, mas eu adorei a tarefa. Sempre achei que cozinhar é colocar amor em algo. Fazer isso com a Clarice é muito divertido.

Minha escolha foi um bolo de fubá. E, não querendo me gabar, foi sucesso entre as crianças!

Segue a receita:

  • 3 ovos
  • 2 xícaras de fubá
  • 1 xícara de farinha de trigo
  • 2/3 de xícara de óleo
  • 1 xícara de leite de soja
  • 1 vidro de leite de coco
  • 1 e 1/2 xícara de açúcar
  • 1 colher de sopa de fermento químico

Fazer é de uma complicação sem fim. Tudo no liquidificador e bate. Deixe o fermente por último, quando a massa já estiver homogênea. Ele fica mais fofo. Se quiser, você pode colocar também um pacote de coco ralado. Unte uma forma com óleo e cubra com fubá também, assim, o bolo fica mais amarelinho. Leve ao forno pré aquecido em 220 graus. O ponto é o bom e velho palito limpo.

   

Anúncios

Um comentário sobre “Lanche coletivo – bolo sem leite de origem animal

  1. Pingback: Para o lanchinho das crianças | Uma pitada em quase tudo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s